(49) 3563-1897

SERVIÇOS

SUSPENSÃO

O sistema de suspensão absorve as tensões, forças e impactos gerados por buracos e demais avarias das pistas de rodagem, minimizando a transmissão dos seus efeitos para os passageiros do carro. É de extrema importância fazer uma revisão preventiva nos componentes a cada 10.000 km. Em geral, a suspensão é um conjunto formado por molas, amortecedores, bandejas, buchas, braços, pivôs, terminais e batentes. Para um perfeito alinhamento é necessário que todos os componentes da suspensão estejam em bom estado.

Fique atento aos principais sinais de desgaste no sistema:

> Ruídos e batidas nas rodas
> Vibrações e direção "puxando"
> Desgaste irregular dos pneus
> Rangidos ao efetuar manobras ou direção "dura"

Quando qualquer serviço de suspensão é feito em seu veiculo torna - se obrigatório o alinhamento do veiculo.

EMBREAGEM

Substituir o conjunto de embreagem não é apenas retirar o platô, disco e rolamento usados e simplesmente colocar outros novos no lugar. Junto da embreagem existem vários componentes que podem sofrer desgastes simultaneamente e, por esse motivo, o profissional verifica todos os envolvidos e os substitui sempre que necessário. Fique atento aos principais sinais de desgaste no conjunto:

-Pedal de embreagem dura;
-Ruídos de acionamento;
-Ronco em marcha;
-Dificuldade no engate das marchas;
-Falta de potência de arranque.

Veja algumas dicas que ajudarão a melhorar a utilização e a vida útil da embreagem:

-Utilize o pedal da embreagem somente no momento da troca de marcha, pois quando o motorista descansa o pé sobre o pedal, isto provoca um aquecimento do sistema e um desgaste prematuro dos componentes;

-Nunca segure o veículo em uma rampa utilizando a embreagem como freio, este hábito causa um desgaste excessivo do disco. Nestas situações utilize sempre o freio do veículo;

-Não inicie bruscamente a marcha, evitando arrancadas bruscas;

-Nunca saia com o veículo em segunda marcha;

-Evite reduções bruscas de velocidade, freando ou desacelerando subitamente o motor.

CAIXA DE CÂMBIO

Uma caixa de câmbio de um automóvel serve para desmultiplicar a rotação do motor para o diferencial ou diretamente para as rodas, por forma a transformar a potência do motor em força ou velocidade, dependendo da necessidade.

De uma forma geral e simplificada, quanto maior a rotação do motor em relação à rotação do eixo, maior será a força e, quanto menor a rotação do motor em relação à rotação do eixo, maior será a velocidade.

CAIXA DE TRAÇÃO

Para que o torque seja transmitido para todos eixos, o sistema de transmissão deve possuir um componente que faça a distribuição de torque entre estes. A caixa de transferência, então foi desenvolvida para prover torque ao dois eixos, podendo ou não, o motorista, selecionar quando utilizar o sistema de tração nas quatro rodas. Além disso a caixa de transferência é, frequentemente, dotada de um sistema de redução que possibilita ao veículo mais torque para superar terrenos acidentados, subidas íngremes, solos arenosos, e situações extremas

DIFERENCIAL

O diferencial é um dispositivo mecânico indispensável em veículos de tração, tem função de transferir e distribuir uniformemente o torque a dois semieixos que a principio giram em sentidos opostos, possibilitando assim, a cada eixo, uma gama de velocidade e rotações diferentes. Sendo assim sua regulagem, rolamentos e o óleo necessitam estarem todos em perfeitas condições, para seu funcionamento ser perfeito e evitar danos maiores a coroa e pinhão, não comprometendo a sua segurança.

DIFERENCIAL 4X4

O diferencial dianteiro possui a mesma função que o diferencial traseiro, transmitir o torque do motor para as rodas, entretanto ele é movimentado pela caixa de transferência a qual é conectada através de um eixo cardã dianteiro. Então os mesmos cuidados devem ser tomados, para que todo o sistema de 4x4 funcione corretamente.

TROCA DE ÓLEOS

A mecânica Pickup Oss executa o serviço de troca de óleo do motor, caixas e diferenciais seguindo as especificações recomendadas pelo fabricante do veículo.

Quando deve ser realizada a troca de óleo do motor?

- Obedecendo as recomendações e a quilometragem indicadas pelo fabricante do veículo para a substituição de óleos;
- Quando o veículo rodar pouco é recomendável que o óleo do motor seja trocado a cada seis meses;
- Quando o veículo roda frequentemente enfrentando congestionamentos nos centros urbanos ou em estradas poeirentas.

Dicas:

- Verifique frequentemente os níveis do óleo no motor;
- Verifique frequentemente os níveis do óleo de caixas;
- Verifique frequentemente os níveis do óleo dos diferenciais;
- Não utilize o veiculo com o óleo vencido, porque reduz a vida útil dos componentes provocando o desgaste excessivo de suas peças e engrenagens;
- O nível do óleo no motor deverá estar sempre entre o mínimo e o máximo indicados na vareta de medição;
- Faça a troca dos filtros de óleo e de ar obedecendo às recomendações indicadas pelo fabricante do veículo;
- Tenha cuidado ao completar constantemente o óleo do motor ao invés de trocá-lo. O funcionamento do motor gera resíduos que se acumulam e contaminam o óleo, acelerando o desgaste do motor e diminuindo a sua vida útil.

FREIOS

O sistema de freio requer atenção especial, por ser um dos pontos fundamentais para manter a segurança do carro. Uma atitude econômica é checar periodicamente o estado das pastilhas de freio, pois seu desgaste excessivo, além de comprometer a dirigibilidade, também causa a necessidade de troca do disco de freio. O fluido de freio deve ser substituído a cada 12 meses ou, em torno de 10.000 km. Passe em nossa oficina e faça uma revisão no sistema de freio quando:

> O pedal do freio for até o fundo, mesmo que somente algumas vezes
> O carro ou pedal vibrar ao pisar no pedal de freio
> O carro "puxar" para algum lado quando freia
> Ouvir algum chiado ou ronco quando pisa no freio
> O pedal de freio estiver muito duro

INJEÇÃO ELETRÔNICA A DIESEL

Os veículos modernos dispõem de um sistema eletrônico cujos componentes vieram substituir os carburadores e em camionetes as bombas injetoras, a chamada injeção eletrônica. Uma central eletrônica recebe informações de sensores e atuadores distribuídos pelo motor e componentes do seu automóvel (velocidade, pressão do ar, temperatura, ar condicionado, direção hidráulica, etc.) e com isto gerencia, numa fração de segundo, frequência e quantidade de combustível a ser injetado na câmara de combustão do motor.

Devido a sua complexidade, o Sistema de Injeção Eletrônica de combustível somente deve ser manuseado por profissionais competentes. A manutenção preventiva poderá corrigir a formação de carvão na câmara de combustão, evitando danos ao motor.

MOTOR

– Troca de óleo
A troca dentro dos prazos estabelecidos pelas montadoras é fundamental, geralmente entre 10 mil quilômetros ou seis meses.

– Filtros
Troque dentro dos prazos estabelecidos pela montadora os filtros de ar, de óleo e de combustível.

– Água do radiador
O nível no reservatório deve estar sempre entre o mínimo e o máximo ao ser verificado com o motor frio.

– Troca de marchas
Uma dica simples para evitar o desgaste do motor é fazer corretamente a troca de marchas. Evite aquela esticada na hora de cambiar.

– Aceleradas
Aceleradas desnecessárias só aumentam o gasto de combustível e desgastam o motor.

Devido a sua complexidade, o Sistema de Injeção Eletrônica de combustível somente deve ser manuseado por profissionais competentes. A manutenção preventiva poderá corrigir a formação de carvão na câmara de combustão, evitando danos ao motor.


Mecânica Pickup-Oss - Rua Vidal Ramos - DER - Caçador-SC
Fone: 49.3563-1897 - E-mail: contato@pickuposs.com.br

Site desenvolvido por: mz2 web design stúdio